Na reestréia de Carpegiani São Paulo volta a vencer.


Novamente a Arena Barueri mostrou-se ser um local onde o São Paulo se mostra a vontade. Na partida contra o vitória não foi diferente.

O jogo marcava a reestreia de Paulo César Carpegiani no comando do tricolor. Apesar de ter tido pouco tempo para treinar o time, já pode ser visto uma boa evolução. O time massacrou o Vitória no começo do jogo e poderia ter goleado facilmente.

Com a dupla preterida por Baresi em campo no ataque, Dagoberto e Fernandinho, o time se mostrou ofensivo e logo aos 17 minutos abriu o placar. Lucas tocou para Jean, que foi à linha de fundo e rolou para trás para Dagoberto desviar para as redes.

Enquanto o vitória não incomodava, o São Paulo buscava o jogo e Fernandinho reviveu os bons tempos do extinto Grêmio Barueri. O atacante recebeu na entrada da área, livrou-se de dois zagueiros, passou pelo goleiro e tocou para o fundo do gol.

O Vitória que não vinha bem ainda teve Uélinton expulso por reclamação.

E Fernandinho ainda quase marca o terceiro, após roubar a bola e bater cruzado, obrigando o goleiro Lee a fazer grande defesa.

No início do segundo tempo Lucas fez bela jogada pela direita e tocou para Diogo que bateu firme, mas o zagueiro salvou. Dagoberto, assim como Lucas, também fez fila na defesa pelo lado direito mas adiantou demais a bola e perdeu boa chance.

O que Acabou animando a torcida tricolor presente em Barueri foram os gols do Atlético Mineiro, a medida que eram anunciados pelo sistema de som. Valeu Zé Luís – Acerola.

O importante neste começo de trabalho do Carpegiani foi ver o time voltar a vencer e mostrar-se mais organizado em campo. Aos poucos o time vai recuperando a confiança e o treinador vai conhecendo melhor os atletas que tem a disposição.

Vale uma ultima nota sobre a oportunidade dada a Lucas Gaúcho e Sergio Mota no final do jogo. Tem de dar chance aos poucos para estes garotos. Jean ontem na minha visão fez sua melhor partida pelo São Paulo jogando pela lateral direita.


A diferença neste ultimo jogo pareceu ser mesmo a experiência de Carpegiani, que teve  um bom começo de trabalho.







FICHA TÉCNICA:SÃO PAULO 2 X 0 VITÓRIA

 

Estádio: Arena Barueri, Barueri (SP)

 Data/hora: 6/10/2010 - 22h (de Brasília)

Árbitro:  Claudio Mercante (PE)

 Auxiliares: Jossemmar Diniz Moutinho (PE) e Jose Pedro da Silva (PE)

Cartões amarelos: Alex Silva, Dagoberto (SÃO); Wallace, Vanderson, Jonas, Renato (VIT)

Cartões vermelhos: Uelliton, 35'/1T (VIT)

Gols:  Dagoberto, 17'/1T (SÃO); Fernandinho, 29'/1T (SÃO)

Público e Renda:  14.374 pagantes/ R$ 127.916,59

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Jean, Alex Silva, Miranda e Diogo; Casemiro (Marlos, 24'/2T), Rodrigo Souto, Carlinhos e Lucas (Lucas Gaúcho, 41'/2T); Dagoberto e Fernandinho (Sergio Mota, 34'/2T). Técnico: Paulo César Carpegiani.

VITÓRIA: Lee, Eduardo (Jonas, 13'/1T), Wallace, Thiago Martinelli e Egidio; Vanderson (Neto Coruja, 10'/2T), Uelliton, Bida, Thiago Humberto e Renato; Kleber Pereira (Júnior, 33'/2T). Técnico: Ricardo Silva.

 

 


1 comentários:

  1. Jonas, gostei da estréia. Vamos ver se ele mantém. Tomara que sim. Beijos!

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author