É amanhã!!!


Brasil estréia na Liga Mundial de Vôlei nesta sexta-feira, não deixem de torcer. Boa sorte para os meninos do Brasil! Essa seleção é de ouro e que sirva de aperitivo para a Copa do Mundo de Futebol

Os seis primeiros jogos serão transmitidos pela tv aberta, os jogos dos dias 04 e 05/06 serão transmitidos pela Globo a partir, das 09:30 hrs, e os jogos nos dias 12, 13, 18 e 19/06 serão transmitidos pela Band e pela SPORTV a partir, das 19:00 hrs ( Apenas um ponto Esportivo).


FIBV e FIA não ficarão assistindo e vivendo de futebol


Pois é, pensávamos nós que tudo pararia, talvez seja esse insano calendário de futebol ou ainda esta louca e inexplicável paixão, não importa. Vamos de Brasil pelos quatro cantos, deixo o texto de Bruno Voloch do Uol Esportes explicando esta simultaneidade. Força Brasil!!!

Semelhanças entre Copa do Mundo e Liga Mundial

Dizem que o Brasil para durante a Copa do Mundo. Pode ser. A programação de bancos, repartições públicas e até escolas são alteradas em função dos horários dos jogos da nossa seleção.

Mas o vôlei, assim como em 2006, segue seu calendário normal, dando aparantemennte pouca importância ao evento.

É claro que não existe termos de comparação entre Copa do Mundo e a Liga Mundial, competição que vai acontecer paralelamente ao mundial da África do Sul. Mas a FIVB pensa como os dirigentes da FIA e procura valorizar seu produto. A Fórmula 1 vai correr literalmente durante a Copa do Mundo e a Liga Mundial também não mudará nenhuma das datas já pré-estabelecidas por causa da competição.

A FIVB, federação internacional de vôlei, não está errada. Dos 16 países que vão jogar a liga desse ano, pouco mais da metade também estarão envolvidos com a Copa do Mundo de futebol. Bulgária, China, Cuba, Egito, Finlândia, Polônia e Rússia não estarão no mundial de futebol e terão a liga como principal atração nos próximos dois meses.

Pensando assim, não seria mesmo lógico mudar um calendário inteiro.

É evidente que algumas adequações foram necessárias em países como Argentina, Brasil, Itália e Alemanha, já que estão envolvidos diretamente nas duas competições. Não seria nada interessante para o vôlei, brigar com o futebol, esporte número 1 nos países citados. Nesse caso, datas e horários de algumas partidas da liga não poderão em hipótese alguma coincidir com os do futebol.

França e Holanda passam pela mesma situação, mas não foram tratados como prioridades.

A liga começa esse fim de semana com 16 seleções divididas em 4 grupos. O Brasil faz parte do grupo A e terá como adversários na primeira fase a Holanda, Bulgária e Coreia. O grupo B conta com Sérvia, Itália, França e China. Fazem parte do grupo C, Rússia, Egito, Finlândia e Estados Unidos e no D jogarão Cuba, Argentina, Polônia e Alemanha.

O regulamento é simples. Os primeiros colocados de cada grupo se classificam para a fase final que será jogada em Córdoba na Argentina. Por esse motivo, nossos 'hermanos' já estão entre os finalistas. O melhor segundo colocado dos 4 grupos também vai jogar a fase final em Córdoba entre 21 e 25 de Julho.

A vitória por 3 a 0 vale 3 pontos e a vitória por 3 a 1 ou 3 a 2, dá ao vencedor 2 pontos e ao perdedor 1 ponto somente.

Das últimas 7 edições da liga, o Brasil ganhou 6 delas. Só perdeu curiosamente quando jogou em casa em 2008 para os Estados Unidos e ficou curiosamente fora do pódio também, fato raro nos 20 anos de disputa da liga. Brasil e Itália são os únicos países que jogarão todas as edições e cada seleção venceu 8 vezes a liga.

Estados Unidos, Rússia, Cuba e Holanda ganharam uma vez cada.

Esse ano a liga terá um diferencial. Como teremos o campeonato mundial na Itália, muitas seleções usam a liga como teste e não jogam com a força máxima. Outras preferem esconder o jogo, poupar titulares e usá-los somente no mundial, atuando na liga com um time de reservas. Por essas e outras é que algumas surpresas podem acontecer.

Mas uma semelhança como o futebol é indiscutível. Por onde passa ou por onde joga, o Brasil é favorito, e esse ano não será diferente. Seja na liga ou na copa, seja no vôlei ou no futebol, a exigência de títulos e as cobranças por resultados positivos são exatamente as mesmas nas duas modalidades.

No vôlei a largada será dada nesta sexta-feira em Uberlândia contra a perigosa seleção da Bulgária.
Bruno Voloch

2 comentários:

  1. Começamos bem, com um adversário que deu trabalho. Murilo jogou muito!

    ResponderExcluir
  2. Esta seleção brasileira de volei é realmente um grande exemplo para os atletas da seleção brasileira de futebol: competitivos, realistas, raçudos e principalmente demonstram um grande espírito de equipe, fundamental para o sucesso nos esportes coletivos. Sorte ao volei, sorte ao futebol!
    Grande abraço.
    Ricardo Fernandes.

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author