A Seleção de Dunga. Só de Dunga.


Doni nem titular na Roma é.

Gomes voltou a jogar bem no Tottenham sim, mas pelo conjunto da obra, o gremista Vítor merecia a vaga. Deve estar revoltado da vida lá nos Pampas.

Michel Bastos e Gilberto, supostos laterais-esquerdos, têm jogado no meio em seus clubes, assim como o preterido Marcelo, que a cada a semana arrebenta a boca do balão no Real Madrid. Tudo em vão. Vai assistir ao mundial do conforto do seu sofá.

Josué, Elano, Gilberto Silva, Felipe Melo, Kléberson e Júlio Baptista. Batidos em um liquidificador, dariam um belo bolo sabor vontade, mas horroroso no aspecto criatividade. Que Deus proteja Kaká.

Grafite. Esse é caso para a ciência discutir. Enquanto arrebentava no Wolfsburg na temporada passada, o "professor" não estava nem aí para ele. Agora que é solenemente ofuscado pelo Bósnio Dzeko, foi convocado. De toda forma, pelo menos Adriano ficou de fora.

Dunga entendeu tudo errado.

Quando Ricardo Teixeira emitiu a ordem para que o Capitão do Tetra fizesse uma faxina comportamental na Seleção, certamente não pretendia expulsar o talento.

Comprometimento, raça, vontade e amor à camisa são importantes é verdade. Mas não sobrevivem sozinhos.

Precisão nos passes, improviso, dribles, enfim, toda a mágica que envolve o futebol também conta.

Não cabe nem lembrar os nomes dos meninos Ganso e Neymar. Esses, coitados, eram carta fora do baralho.

Que não desanimem. Em 2014 são presença garantida.

Bom, agora vai com o que está aí, diria o grupo RPM.

No papel, do meio para a frente, somos apenas a quarta força do Mundial. Inglaterra, Espanha e Holanda vêm fortes, mesmo com desfalques. França, Alemanha e Itália, pela tradição, também incomodarão.

Mais do que nunca, o Brasil precisará do peso de sua camisa.

As coisas poderiam ser menos difíceis. Dependia de Dunga.

Uma boa tarde e um abraço a todos!

Por Roberto Junior

3 comentários:

  1. Adriano não indo é a justiça que eu esperava.

    Kléberson mostrou nos últimos dois jogos que, quando se precisa dele, ele ressurge das cinzas. Não está no meu meio-campo ideal, mas não é loucura do Dunga.

    Neymar disputava vaga com Nilmar e Robinho. Sem chances, ainda mais por toda a pressão feita pró-Nilmar ano passado. Já Ganso tinha vaga sim. Seria o substituto ideal para o Kaká, um toque de criatividade no meio de tantos cabeças-de-bagre.

    Mas nem tudo é tão ruim: Gilberto e Michel Bastos jogam como meis nos seus clubes, e podem ajudar na criação. Maicon e Dani Alves então, nem se fala. Se os dois tiverem chance para atuarem juntos, vai ser show!

    Pelo menos o Dunga foi coerente com o que vem fazendo ao longo desses quase 4 anos. E nesse período vencemos Argentina, Itália, Copa América, das Confederações, Eliminatórias... só falta agora a Copa!!

    ResponderExcluir
  2. "Quando Ricardo Teixeira emitiu a ordem para que o Capitão do Tetra fizesse uma faxina comportamental na Seleção, certamente não pretendia expulsar o talento"... Só o Dunga não entendeu!!!

    "Comprometimento, raça, vontade e amor à camisa são importantes é verdade. Mas não sobrevivem sozinhos.Precisão nos passes, improviso, dribles, enfim, toda a mágica que envolve o futebol também conta".

    Resumindo:falta a essência futebol brasileiro nessa seleção- a arte-
    é igual à salada sem tempero, ou seja, insossa.

    Haja Coração!!! Um forte abraço GÊ

    ResponderExcluir
  3. Somente espero que o Kaká não se machuque durante a copa...

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author