Gosto amargo, mas necessário!





Como diria minha querida mãe, o chá amargo é o que faz bem. Talvez este tenha sido o melhor remédio para o novo São Paulo de 2010.

Logo na estreia o tricolor paulista conheceu sua primeira derrota no  campeonato paulista diante da Portuguesa de Desportos.

O jogo teve dois tempos completamente distintos, um totalmente dominado pelo São Paulo e outra pela Portuguesa.

O tricolor começou o jogo no esquema 4-4-2, com dois estreantes, Leo Lima e Marcelinho Paraíba.

O primeiro tempo foi muito bom, mas o time abusou do direito de perder gols, e isto acabou custando caro.

No segundo tempo parecia outro jogo, o São Paulo descompromissado como a partida e sem fôlego, enquanto a Lusa mostrou muito gás e buscou a vitória.

O que de melhor mostrou este novo São Paulo foi a movimentação de Marcelinho Paraíba, que se movimentou bem e deu um toque de bola mais refinado ao meio campo. Mostrou uma nova arma do São Paulo para 2010, o chute de fora da área, fez um golaço.

Leo Lima em alguns momentos mostrou ser um bom jogador, mas tem de ficar mais ligado no jogo.

Mas este novo time ainda trás alguns defeitos do time do ano passado. E isto foi facilmente notado e precisa ser consertado.

Jean como ala direita não dá, não é a dele, ele é nosso primeiro volante, ai sim é a dele. Richarlysson continua o mesmo, tem muita vontade mas é estabanado demais. Não passa confiança.

Hernanes parece que joga a ritmo de treino, perdeu um gol feito no rebote do pênalti. Tá na hora de testar o Arouca ou até mesmo o Leo Lima nesta função para ver se o Hernanes acorda.

Dagoberto começou a temporada com os erros do ano passado, uma expulsão despropositada que prejudicou muito o time. É uma boa opção ofensiva, mas tem de colocar a cabeça no lugar.

Foi apenas o primeiro jogo do ano, é notório que o time ainda está longe da forma física ideal, mas esta derrota até que foi boa. Mostrou os pontos falhos do time, e espero que Ricardo Gomes saiba corrigi-los.

Tomara que tenha servido também para a diretoria enxergar que precisa investir um pouco também, Cicinho é uma necessidade, precisamos de um ala direito.

O gosto foi amargo, mas que seus efeitos possam curar as velhas doenças deste time, para que em 2010 tenhamos um São Paulo mais competitivo.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1 X 3 PORTUGUESA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 17 de janeiro de 2010, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado
Assistentes: Dante Mesquita Junior e Rogério Pablos Zanardo
Cartões amarelos: Richarlyson, Miranda e Roger (São Paulo). Henrique, Fábio e Paulo Sérgio (Portuguesa)
Cartão vermelho: Dagoberto (São Paulo)
Público: 18.074 pagantes
Renda: R$ 467.148,25


4 comentários:

  1. Jean de volante e Richarlyson fora do time, do clube ! Simples né ?

    ResponderExcluir
  2. O SP foi um dos que se reforçaram pior. Tudo bem, trouxeram o Paraíba, que segue em grande fase. Mas Leo Lima e André Luiz é brincadeira... O Richarlysson deve estar bolado por terem obrigado ele a cortar a cabeleira, hhehehehehehe

    Mas a coisa foi tão ruim que até mesmo o Reogério perdeu pênalti!!

    ResponderExcluir
  3. Às vezes o mais obvio parece tão dificil né Deco. Impressionante!

    ResponderExcluir
  4. Não entendi a "Ficha Técnica" do jogo não ter as escalações de ambas equipes!!!!???
    As vezes mas vale começar mal e acabar bem, todavia não compreendo como o São Paulo jogando em casa e vencendo pode no final perder para a Portuguesa!? talvez as respostas tenham a haver com o comentário do Deco e já agora, o técnico do São Paulo ainda é o Ricardo Gomes????
    Grande abraço.
    Ricardo Fernandes.

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author