Polícia para quem precisa

Domingo é o final do campeonato. E para quem gosta de comparar pontos corridos com mata-mata, domingo é A Final do campeonato!

O Flamengo recebe o Grêmio e é o único time que só depende de si mesmo para ser campeão. Todos os Rubro-Negros querem estar presentes nesse jogo, que pode encerrar um jejum de 17 anos! Mas apenas pouco mais de 70 mil terão o provilégio de acompanhar o jogo dentro do Maracanã. E, infelizmente, eu não serei um deles.

Os ingressos começaram a ser vendidos na quinta-feira passada. E terminaram no mesmo dia. Só faltou avisar à torcida que compareceu às bilheterias na sexta-feira (inclusive este que vos escreve) que não havia mais ingressos. Grande falta de respeito, principalmente com aqueles que estavam na fila desde a noite de quinta (não me incluo nesta lista)!

Já planejava o churrasco e o pay-per-view para acompanhar a última rodada, pois eu não ia ficar na fila desde segunda esperando chegar a próxima quinta, quando seriam vendidos os ingressos que sobraram entre os que foram reservados à torcida gremista. Ainda mais com a final da Sulamericana na quarta, entre Flu e LDU. Eu queria viver para ver a final, e não morrer na fila!

Mas veio a notícia de que a venda seria antecipada para a quarta de mamanhã de quarta, justamente para evitar a confusão. Na mesma hora um amigo me ligou, dizendo que um outro amigo estava na fila desde as 14h (de terça), e que precisaria sair às 18h. Não podia perder essa chance! Sem pensar duas vezes falei que ia substitui-lo, e que ficaria lá até que os ingressos fossem vendidos.

Telefonemas para todos os cantos, e no início da madrugada éramos quatro guerreiros dentre milhares de outros. Havia cerca de duas mil pessoas à nossa frente (contadas por alguém que fez bom uso do tempo de espera), e como cada um só poderia comprar 2 ingressos, certamente conseguiríamos os nossos (5 mil foram postos à venda). Mesmo com a apreensão de estar quase no limite de quem conseguiria ou não os ingressos, ouvíamos histórias de pessoas que estavam no Bellini (extremo oposto do Maraca) e que tinham certeza de que também conseguiriam.

Tinha muita gente boa na fila, e o tempo passou com alguma animação, apesar do cansaço que já era crítico lá pelas quatro da madruga. Com um cordão feito por sacos plásticos, demos um jeito de organizar a fila, coisa que a polícia não conseguia fazer com suas ameaças estúpidas. Os "puliça", que deviam estar tão felizes de passarem a madrugada ali conosco, brincavam de jogar bombas de gás lacrimogêneo de hora em hora, nem Deus sabe o porquê. Na terceira eu já nem sentia mais os olhos ou nariz arderem tanto. Estava até dando onda...

Até me lembrei de um trecho de uma música do System of a Down, chamada "Deer Dance":
Battalions of riot police,
With rubber bullet kisses,
Baton courtesy,
Service with a smile


Nesse ritmo a madrugada se arrastou, ao som de algumas músicas da torcida e, claro, das bombinhas dos puliça. Quando o dia começou a clarear, os sinais da iminente confusão também apareciam. Várias pessoas, membros de uma das facções Rubro-Negras, começaram a aparecer e ficar por ali, tentando se infiltrar na fila. Não posso chamá-los de torcedores. Eram marginais, que personificam todos os estigmas que a Torcida do Flamengo sofrem. Bandidos, membros da Torcida Jovem, que de torcida só tem o nome mesmo. Mas nosso cordão de sacolinhas estava dando conta do recado.

As bilheterias foram abertas antes das 7h, e fechadas antes das 8h30. Nesse meio tempo, essa bando conseguiu entrar em vários pontos da fila, e também conseguiu transformar a descida da rampa da UERJ em uma praça de guerra. Aqueles homens-bombas muçulmanos ficariam com inveja desses meliantes, que apanhavam, mas continuavam tentando voltar, na maior cara-de-pau, e todos os que penaram na madrugada, sofreram mais ainda com a violência dos ômi-da-lei.

Por causa dessa invasão da fila, não cheguei nem perto da bilheteria. Mais uma vez, fiquei sem o meu ingresso, mas sai de lá vivo, sem nenhum ferimento (além da bilheteria, fiquei relativamente longe também da confusão). Graças a Deus vou poder ver a final, mesmo que pela TV.

Muitos devem ter visto as cenas de guerra. Méritos para os puliça, que não foram capazes de conter quem tentanva furar a fila e teve que apelar para a força. E méritos para esses bandidos que não respeitam nem mesmo os torcedores do seu próprio time. Aliás, me envergonho em dizer que torço para o mesmo time que eles. Um amigo meu, tricolor, me falou algo que, de certa forma, me deixou mais confortável. "Eles não torcem para o Flamengo. Torcem para a facção deles. Você sim torce para o Flamengo".

Cheguei em casa, triste, mas ileso, tomei um bom banho e fui descansar, pois quase não me aguentava mais em pé. A minha saga por um ingresso terminou. Pena que não teve um final feliz. Mas tenho a certeza de que o final do campeonato será diferente, e que, quando o juiz apitar o final do jogo no domingo, nós ergamos a taça. Sim, eu torço para o Flamengo. E o que importa é que sejamos campeões!

Seria muito bom se os nossos jogadores vissem tudo pelo que passamos, pois é por eles que fazemos isso. Seria um grande estímulo para que eles entrassem em campo ainda mais motivados para o jogo mais importante dos últimos 17 anos do CRF.

Saudações Rubro-Negras,
rafs






5 comentários:

  1. Melhor é o payperview e a cervejinha. Se não fosse o gremio que so ganhou uma fora de casa. Diria que o titulo poderia complicar, mas os gauchos sao sacos de pancadas fora de casa. Pode gritar PentaCampeão!

    ResponderExcluir
  2. É maluco... Mais uma demonstração da corrupção na policia do Rio: hj, no Lance saiu uma reportagem que diz que os policiais estavam "vendendo" o direito de furar a fila por 100 reais!!!!! Aqueles marginais são os reais integrantes da Mulabada do Flamengo, grupo minoria formada por terroristas que, como vc bem disse, torcem não pro Mengão, mas por suas próprias facções!!!

    O verdadeiro torcedor do Flamengo sofre. Mas domingo será só alegria.


    Aproveito para comentar sobre a polêmica a envolvendo o Gremio, que talvez entre com o time misto para enfrentar o Flamengo, e está sendo execrado pelas Diretorias de Inter, Palmeiras e SP. Será realmente que é por causa deste ultimo jogo que o Mengão será campeão???? Será que o fim de ano ridículo do Palmeiras e o retardo mental de seu presidente em suas declarações e no apadrinhamento de vândalos, que intimidam seu time; os muitos tropeços do Inter e SP, que deram até sorte que o Cruzeiro e Atlético tropeçaram mais ainda, não os levaram a depender dos outros pra ser campeão?!?!?! Será que a imprensa não deveria estar realmente dar mais atenção às campanhas, já que o campeonato tem 38 rodadas!!!!!

    O Mengão foi tão favorecido e atrapalhado por STJD, arbitragem quanto qualquer outro, e chegou ao topo com muita dificuldade e competência!!!! Temos hj um dos melhores times do Brasil, senão o melhor!!!! Por isso, se domingo vencermos o jogo, não será porque o Gremio facilitou, mas sim porque fomos os MELHORES!!!!

    ResponderExcluir
  3. Estarei no Morumbi, acredito em milagres !! Abs!!

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author