Vai ou não vai?


Tanto Barrichello quanto Rosberg negam. Segundo eles, não haverá troca-troca - sem trocadilhos infames - no ano que vem. O brasileiro permanece na Brawn e o alemão de pai campeão finlandês fica na Williams. Não acredito. Normalmente na Fórmula-1, onde há fumaça, há incêndio. Barrichello afirma que não importa onde estará em 2010. O que quer, é um carro competitivo para lutar pelo título. Provavelmente, não terá. Ross Brawn parece preferir um piloto mais jovem como sombra de Jenson Button. Nas equipes de ponta, não há vagas abertas. Caso "mude de ideia" e vá para a casa de Tio Frank, deverá sofrer com a falta de grana da equipe. Seja como for, se pensa em correr na próxima temporada, não pode ficar fazendo charme. No dinâmico mundo da Fórmula-1, os ventos viram de repente. Nesta, ele acaba desempregado. Abraços!

2 comentários:

  1. Desempregado eu não sei, tem muita equipe nova chegando pro ano que vem. Mas é complicado optar pela Williams. Mesmo nas vezes que tinha tudo para se sair bem, acabaram fazendo corridas apagadas. E imagino que, se ele conseguir ser campeão, a Brawn não vá mandá-lo embora.

    Reza a lenda que até mesmo Button estaria de mudança...

    ResponderExcluir
  2. Um borra botas, e ainda por cima (com respeito aos colegas!) andando pra cima e pra baixo com a camisa do Corinthians!! rsrs A F-1 é Internacional !!! não é Paulista!!! rsrsrs

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo ao Zona do Agrião!


- Não deixe de Comentar;
- Aproveite para ser um de nossos seguidores;
- Mande suas sugestões;

Obrigado pela visita,

Equipe Zona do Agrião!

 

Flickr Photostream

Botafogo Flamengo Fluminense Vasco
Corinthians Palmeiras Santos São Paulo
Atlético MG Cruzeiro Grêmio Internacional

Twitter Updates

Meet The Author